Ex aluna
Suely Gomes

Eu fui matriculada no Colégio Julio Pereira Lopes em janeiro de 1988, por minha mãe, para iniciar o curso de primeiro ano do fundamental e terminei o colegial em dezembro de 1998, permanecendo em estudo por quase 11 (onze) anos nesta escola.

Eu era uma criança muito tímida e com dificuldade em me relacionar em grupo, e foi bastante proveitoso o trabalho que escola realizou na minha vida.

Eu possuía o perfil que favorece o que denominamos atualmente de bullying, prática da qual eu não fui vítima, já que os professores e assistentes sempre estiveram muito atentos, e trabalhando para manter um ambiente amigável e solidário.

Houve um período que necessitei de mais auxílio, e a escola não só alertou a minha família desta necessidade, como também indicou uma profissional, que realizou um excelente trabalho, sendo que a escola envidou todos os demais esforços para o meu auxílio.

Eu sempre me senti acolhida, em seguran√ßa e sob prote√ß√£o nas depend√™ncias da escola, e atualmente percebo que tais ingredientes foram de fundamental import√Ęncia, para que eu pudesse aprender a melhor me socializar e a superar as minhas dificuldades.

Al√©m deste tra√ßo de escola humanizada, de fato preocupada com a vida, a sa√ļde e desenvolvimento pessoal de cada um dos alunos, √© uma excelente escola no que diz respeito √† aplica√ß√£o das mat√©rias.

O Colégio impulsionou a curiosidade, a consciência da necessidade e o gosto pelo estudo, ingredientes inseparáveis para mim, não somente para o estudo profissional, mas em termos pessoais também.

Assim sendo, quando eu fui m√£e ‚Äď sagrada oportunidade – que fui beneficiada por duas vezes, n√£o tive d√ļvida, quis voltar ao Julio.

E hoje tenho a feliz oportunidade desta nova experiência junto à escola, sob nova ótica, pois meus filhos são diferentes do meu perfil psicológico (sem nenhuma introspecção), mas é com bastante alegria que os assisto a participarem felizes das atividades, a realizarem de modo incentivado às tarefas escolares, estimulados a agregarem novos conhecimentos e, sobretudo envolvidos no aprendizado à arte de pensar, fruto do atual trabalho desenvolvido pela escola.

Não obstante, todos os anos que se passaram, é fato que o Colégio Julio Pereira Lopes manteve seus princípios humanizados, a atenção especial aos seus alunos, e a excelência no estudo oferecido.

√Č um maravilhoso reencontro!

√Č verdade que os tempos s√£o outros, por√©m √© inato ao ser humano a necessidade do desenvolvimento da arte de pensar, e que alegra os alunos √† medida em que s√£o impulsionados a darem seus pr√≥prios passos nesta dire√ß√£o, junto √† escola.

S√£o Paulo, 05 de outubro de 2017.

Suely Gomes de Oliveira Caine

0